são joão na itália

A Festa de São João na Itália

A festa de São João na Itália – 24 de junho – é comemorada em algumas das principais cidades italianas, onde ele é padroeiro. Por exemplo, São João Batista (San Giovanni, em italiano) é padroeiro, entre outras, de Florença, Turim e Gênova.

No entanto, quando nos referimos à festa de São João na Itália, quer dizer que são comemorações religiosas, que nada têm a ver com o que estamos acostumados no Brasil, ou seja, as tradicionais festas juninas. Apesar de também haver algumas tradições folclóricas, elas são totalmente diferentes das festas brasileiras.

Então, vamos descobrir quais são as principais festas e comemorações de São João na Itália?

São João na Itália: Florença

"São João na Itália - Genova

Sem dúvida a Festa de São João com mais pompa e animação acontece em Florença. De fato, as celebrações duram o dia inteiro,embora existam eventos culturais relacionados durante a semana que antecede o dia 24.

As festividades começam pela manhã com um cortejo histórico em traje renascentista que vai da Piazza della Signoria ao famoso batistério, onde há uma oferta cerimonial de velas, chamados ceri. Em seguida, há uma missa solene, durante a qual são exibidas as relíquias preciosas de São João.

À tarde, toda solenidade é deixada de lado durante o jogo tradicional do calcio storico, um evento esportivo que antecede o futebol (e é semelhante ao rugby, com uma pitada de artes marciais mistas e caos geral) e é jogado na Piazza Santa Croce.

O ponto alto das celebrações, no entanto, acontece às 22h, quando há uma espetacular queima de fogos de artifício – conhecida como Fuochi di San Giovanni –  no Piazzale Michelangelo. As luzes refletem nas águas do rio Arno, nas margens do Rio Arno, que estão lotadas de espectadores. 

Festa de São João em Turim

Fogueira de São João em Turim
Comemorações de São João na Itália: Turim.

São João Batista também é padroeiro da cidade de Turim. Durante a festa dedicada a ele, desde a Idade Média, a cidade inteira parava por dois dias inteiros para participar das celebrações de um ritual que era (e é) uma mistura de crenças pagãs e tradição religiosa.

As celebrações, que acontecem no centro de Turim, geralmente incluem várias iniciativas, incluindo jogos, shows e música ao vivo, animações para crianças, eventos esportivos e muito mais. Os três eventos mais importantes da festa de San Giovanni em Turim são, sem dúvida: o Falò (fogueira), o desfile em trajes de época pelas ruas da cidade e o show de Droni Luminosi, uma novidade apresentada por alguns anos substituiu os fogos de artifício clássicos de São João (ótima iniciativa para não assustar nossos animais domésticos!).

Festa de São João em Gênova

São João na Itália - Genova

Padroeiro da cidade de Gênova, esta cidade marítima tem um carinho particularmente forte por São João, cujas relíquias dizem ter o poder de acalmar as ondas do mar agitado. De fato, as celebrações aqui são testemunho dessa devoção.

Na véspera do dia 24 de junho, os minúsculos becos medievais do centro histórico de Gênova são uma mistura festiva de fogueiras, procissões à luz de tochas, artistas de rua, músicos, barraquinhas de comida, multidões e alegria geral. À meia-noite, as pessoas se reúnem na praça Matteotti para acender a fogueira principal.

No dia seguinte, Gênova lembra aos visitantes sua antiga riqueza e poder durante a procissão que vai da Catedral de San Lorenzo ao porto histórico, carregando estátuas douradas preciosas e impressionantes artefatos religiosos. Enfim, a procissão termina com uma bênção do mar e da cidade pelo arcebispo e, é claro, fogos de artifício noturnos sobre a água.

São João na Itália: outras cidades

Existem várias outras cidades que também organizam eventos de relacionados a São João na Itália. No Lago de Como, por exemplo, acontece a Sagra di San Giovanni, no final de semana que fica mais próximo do dia 24 de junho. Há uma fiaccolata, durante a qual centenas de pequenas lanternas flutuam na superfície da água, seguidas por uma queima de fogos. No dia seguinte, acontece uma regata tradicional com barcos enfeitados com flores, dança folclórica e apresentações de porta-bandeiras.

Em Cinque Terre, na Ligúria, Monterosso e Riomaggiore comemoram seu santo padroeiro durante a semana anterior ao dia 24 de junho, com música ao vivo e dança, procissões, fogueiras e fogos de artifício. Por exemplo, em Monterosso, a procissão tradicional termina com o lançamento no mar de pequenas velinhas acesas por crianças.

Relíquias de São João na Itália

Há diversas relíquias de São João espalhadas pelas igrejas da Itália.

Catedral de San Lorenzo, Viterbo
Catedral de San Lorenzo, Viterbo

Roma – Igreja de San Silvestro in Capite

Na igreja de San Silvestro in Capite, em Roma, encontra-se aquela que seria a cabeça decapitada de São João. Embora esse fato possa parecer um pouco assustador, o número de pessoas que prestam respeito à relíquia é incontável. São fiéis provenientes do mundo todo.

Em suma, a relíquia é exibida ao público durante todo o ano, envolvida em um pano de veludo vermelho e sob uma caixa de plástico transparente.

Viterbo – Catedral de San Lorenzo

O crânio que se encontra em San Silvestro in Capite, em Roma, está sem a mandíbula. Esta relíquia fica conservada na Catedral de San Lorenzo, em Viterbo.

Siena – Duomo

O braço direito está localizado na Catedral de Siena, doado pelo Papa Pio II em 6 de maio de 1464. Anteriormente, essa relíquia pertencia a Tommaso Paleologo.

Florença – Museu do Duomo

Uma relíquia, que segundo a tradição seria um dedo de São João Batista, fica conservada no Museo dell’Opera del Duomo, em Florença.

Nápoles – Igreja de San Gregorio Armeno

Na igreja de San Gregorio Armeno, em Nápoles, há um relicário com uma pequena quantidade de sangue de São João Batista. Você pode vê-lo por ocasião dos dois aniversários anuais de 24 de junho e 29 de agosto.

Gênova – Catedral de San Lorenzo

O prato, que segundo a tradição Católica, teria recebido a cabeça de São João Batista está em Gênova, no Museu do tesouro da Catedral de San Lorenzo, junto com uma parte das “cinzas” do santo. Outra parte está localizada no Oratório de San Giovanni Battista, em Loano, cidade a 80km de Gênova.

Catedral de Gênova, Itália
Capela de São João Batista na Catedral de San Lorenzo, Gênova. Foto: WikiCommons

Além dessas, há outras relíquias de São João na Itália em Rapagnano (Marche), Pozzallo, Chiaramonte Gulfi, Monterosso Almo, Ragusa, Vittoria e Acitrezza (cidades na Sicília), Massaquano (Campania) e Monza (Lombardia).

Gostou? Então compartilha!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.